Agenda das Centrais tem ato na Fiesp e protesto contra filas no INSS

Reunidas na manhã desta segunda (27) no Dieese, representantes das Centrais Sindicais definiram calendário de lutas para iniciar o ano. A primeira atividade da agenda será ato em frente à Federação das Indústrias do Estado de São Paulo.

A manifestação ocorrerá no próximo dia 3 (segunda), às 10 horas, durante visita de Bolsonaro ao presidente da Fiesp, Paulo Skaff.

Segundo Wagner Gomes, secretário-geral da CTB, o objetivo é reunir entidades dos movimentos sociais e sindical em um protesto contra o alto índice de desemprego e pela manutenção dos postos de trabalho.

“Além de já enfrentarmos desemprego em massa no País, o governo tenta privatizar diversos setores da economia, jogando na rua da amargura outros milhares de trabalhadores”, ele diz.

Dirigentes sindicais e Dieese definiram as primeiras ações de 2020

INSS – Outro protesto está marcado para o dia 14, às 10 horas, em frente às Superintendências do INSS nas principais capitais brasileiras.

“É um absurdo o trabalhador esperar por mais de um ano pra conseguir sua aposentadoria. É necessário uma resposta firme do movimento sindical contra essa situação no INSS. São mais de dois milhões de pessoas na fila de espera”, afirma Wagner.

Ele completa: “Isso é resultado da falta de funcionários, da falta investimentos e da incompetência por parte do governo, que implantou um novo sistema sem adequação”, critica o dirigente.

Wagner destaca que a avaliação da reunião, com a participação de todas as Centrais, é positiva. “Vamos ampliar e intensificar nossas ações neste ano em defesa de empregos, direitos sociais e da dignidade do nosso povo”, ele conclui.

Agência Sindical

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  +  88  =  89

Botão Voltar ao topo