Nota de apoio e solidariedade aos trabalhadores argentinos

537
0
COMPARTILHE

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino — Contee, que representa, no Brasil, cerca de 1 milhão de professores e técnicos administrativos que atuam na educação privada, manifesta seu apoio e solidariedade aos trabalhadores argentinos que, nos últimos dias, demonstraram sua força e resistência contra o projeto de reforma da Previdência no país.

Apesar da intensa repressão aos manifestantes, praticadas pela Polícia Federal, pela Gendarmeria (a Força Nacional Argentina) e pela Polícia de Segurança Aeroportuária, com bombas de gás lacrimogêneo, balas de borracha e jatos de água com corante — violência contra a qual a Contee expressa seu repúdio —, o povo argentino que ocupou o Congresso e as ruas contra a reforma de Macri conseguiu, com a pressão popular, suspender a votação do projeto.

Os ataques aos direitos trabalhistas e previdenciários, tanto na Argentina quanto no Brasil, são uma amostra do recrudescimento do neoliberalismo, das políticas de arrocho e da subserviência ao capital na América Latina e no Caribe. Para enfrentar tais ataques, a Contee considera fundamental a integração latino-americana e caribenha, denunciando o caráter internacional dos golpes políticos e econômicos que afetam os povos das nossas nações.

Brasília, 16 de dezembro de 2017.

Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino — Contee

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here