Coordenadora da Secretaria de Gênero e Etnia discute avanços nos direitos das mulheres trabalhadoras em educação, durante o seminário da Fitrae-BC

fitrae3

Os avanços nos direitos das mulheres trabalhadoras em educação foi o tema da apresentação feita pela coordenadora da Secretaria de Gênero e Etnia da Contee, Rita Fraga Zambon, na última sexta-feira (26), durante o IV Seminário de Gênero e Etnia promovido pela Fitrae-BC. Em sua fala, a diretora da Contee fez um retrospecto da luta pela igualdade de gênero ao longo da história, incluindo a atuação das mulheres contra a ditadura militar.

Rita também enumerou as principais batalhas das mulheres trabalhadoras, como: licença-maternidade de no mínimo seis meses, e estendida aos pais, partícipes da educação dos filhos; direito a creches; reconhecimento das capacidades de atuação em todas as esferas da vida pública; unificação de todas as mulheres trabalhadoras em suas organizações para fazer valer os princípios básicos de igualdade e de respeito ao ser humano e as suas possibilidades, potencializando lutas históricas e sociais; exigência de que governos e patrões cumpram as conquistas históricas; manutenção do emprego (Convenção 158 da OIT), bem como o direito à isonomia salarial em relação aos homens.

Rita ainda abordou a questão do enfrentamento à violência e a importância da educação e da conscientização no combate à discriminação de gênero. As atividades do seminário se encerraram ontem (27), em Goiás.

fitrae2

Da redação
Fotos: Fitrae-BC

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8  +  2  =  

Botão Voltar ao topo