Em live com Paulo Vieira, Lula chora ao falar de prostituição infantil

Ex-presidente Lula participou de live com o humorista Paulo Vieira nesta quarta (26/10). Ele se indignou com a fome no Brasil

ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se emocionou, nesta quarta-feira (26/10), ao falar sobre meninas de 14 anos que “precisam se prostituir para comer”. A declaração foi dada durante entrevista ao vivo ao humorista Paulo Vieira.

“Quando eu vejo uma menina de 14 anos, 15 anos, às vezes tendo que se prostituir por falta de comida, cara. Uma pessoa vender o corpo porque quer comer o pão de cada dia não é possível. Como seres humanos, nós não temos o direito de aceitar isso”, declarou Lula.

O candidato ainda se indignou ao falar sobre se há fome no Brasil, mesmo sendo o terceiro maior produtor de alimento e o primeiro em proteína animal do mundo.

“O cara catando lixo, o cara dormindo embaixo do viaduto na Praça Roosevelt, eu tenho vontade de parar o carro lá e colocar todas aquelas pessoas no carro e levar para algum lugar”, disse Lula.

Jovens venezuelanas

Há duas semanas, o adversário de Lula, Jair Bolsonaro (PL), mencionou jovens venezuelanas durante entrevista aos podcasts Paparazzi Rubro-Negro, Rica Perrone, Fernando Instaverde e Dieguinho Futebolaco Vasco, na sexta-feira (14/10).

“Eu estava em Brasília, na comunidade de São Sebastião, se não me engano, de moto. […] Parei a moto numa esquina, tirei o capacete e olhei umas menininhas, três ou quatro, bonitas. De 14, 15 anos. Arrumadinhas, num sábado, numa comunidade. Vi que eram meio parecidas. Pintou um clima, voltei. ‘Posso entrar na tua casa?’ Entrei”, descreveu Bolsonaro.

Em seguida, o atual presidente insinuou que as garotas venezuelanas estariam se prostituindo para sobreviver: “Tinha umas 15 a 20 meninas, num sábado de manhã, se arrumando. Todas venezuelanas. Eu pergunto: meninas bonitinhas, 14, 15 anos se arrumando no sábado. Pra quê? Ganhar a vida!”, exclamou.

Bolsonaro defende, no entanto, que a frase foi tirada de contexto pelo Partido dos Trabalhadores, além de alegar que o vídeo foi gravado para demonstrar sua “indignação” com o cenário.

Sobre o caso, Lula comentou nesta segunda-feira: “Você tem um Presidente da República que é capaz de ter uma atitude pedófila, de alguém que não respeita, a atitude de uma pessoa que não vê uma criança com respeito”.

Metrópoles

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7  +  1  =  

Botão Voltar ao topo