Fepesp: Ensino superior — rodada de assembleias prossegue no Estado, vai ter greve?

Nas primeiras 12 assembleias de professores do Ensino Superior, organizadas pela Federação dos Professores do Estado de São Paulo, foi rejeitada a proposta patronal para reajuste salarial e revisão de condições de trabalho nas faculdades e universidade privadas no Estado.

Em São Paulo, Santos, Campinas e Ribeirão Preto as assembleias ainda se colocaram em estado de greve, com novas assembleias marcadas para dia 18 e data tentativa para início de greve em 22/05.

As assembleias ainda pedem o respeito das mantenedoras à determinação do Tribunal Regional do Trabalho, que em outubro passado determinou o pagamento de reajuste de 10,78% nos salários, retroativo a 1º de março de 2022. Rádio Peão Brasil  08/05  https://bit.ly/41ni0Hu

PLACAR DAS ASSEMBLEIAS!

Da Fepesp

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  +  70  =  76

Botão Voltar ao topo