Sexta-feira, 14 de junho, não tem aula!

63
0
SHARE

Nosso compromisso até a próxima sexta-feira é o de conversar com os colegas, familiares e amigos e explicar por que estamos sendo obrigados a promover esta greve geral: trata-se de defender nosso direito ao amparo na velhice, contra a proposta de reforma da Previdência, e de defender a educação no Brasil como uma questão de soberania nacional.

E agora, com a repercussão do vazamento de conversas entre quem investiga, quem acusa e quem julga, no âmbito da operação Lava Jato, fica patente que o protesto de 14 de junho deve ser também pela defesa da Justiça – imparcial, isenta, rápida e para todos.

Da Fepesp

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here