Sinpro Campinas e Região: Metodista continua sem pagar direitos dos professores

68
0
SHARE

O Sinpro Campinas e Região reitera a sua posição em defesa dos direitos dos trabalhadores, que vêm sendo desrespeitados pelos gestores da instituição, e repudia o silêncio dos bispos reunidos no Encontro Episcopal, que não se posicionaram até o momento em relação ao Manifesto entregue pelas entidades representativas de professores e funcionários da instituição.

O sindicato entende que uma ação coletiva dos trabalhadores  é necessária para explicitar o descontentamento com a atual situação e forçar um movimento da instituição no sentido de solucionar o impasse criado por ela ao não cumprir as suas obrigações trabalhistas adotando posicionamento antiético.

O IEP desrespeita direitos, desrespeita a necessária interlocução com o sindicato, quando sequer responde solicitações de audiências e ignora o descontentamento e o sofrimento que essa prática provoca nos trabalhadores da instituição.

As reivindicações abaixo são nada mais do que o cumprimento da CCT e da CLT para todos e todas, mas cabe destacar o que exigimos de imediato:

– Pagamento integral do salário de outubro e de novembro de 2019;
– Pagamento de 1/3 das férias;
– Pagamento da primeira parcela do 13º salário;
– Regularização dos depósitos do FGTS;
–  Pagamento dos salários dentro do prazo legal, ou seja,
até o quinto dia útil do mês subsequente ao trabalhado.

O sindicato exige o cumprimento dos direitos dos docentes do Colégio:

– Regularização dos vales-alimentação, atrasados há meses;

– Regularização do pagamento do convênio médico;

– Respeito aos 20 minutos de horário para intervalo;
– Suspensão de avaliação pedagógica subjetiva relativa
ao desempenho do corpo docente;

– Não exigência de trabalho tecnológico fora do horário regular, como obrigatoriedade de respostas de e-mails enviados pela coordenação e pela direção.

Professor, professora, o sindicato realizará assembleias no início do período letivo de 2020, pois o único caminho é a organização e a luta!

Do Sinpro Campinas e Região

RESPONDER PARA:

POR FAVOR ENTRE COM SEU COMENTÁRIO!
POR FAVOR ENTRE COM SEU NOME