Sinpro Campinas e Região repudia descumprimento de leis trabalhistas por parte da Rede Metodista

41
0
SHARE

Novamente, o Sinpro se pronuncia contra os desmandos da Rede Metodista que têm prejudicado os professores do Colégio Piracicabano e da Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep).

Como já divulgado, as instituições continuam descumprindo a Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) e as Convenções Coletivas de Trabalho da categoria.

A Rede Metodista também desrespeitou o acordo feito com professores demitidos que propunha um parcelamento das verbas rescisórias e, sem dar satisfação, não paga as parcelas.

Nesse ano as demissões continuam, sem pagamento das verbas rescisórias, o que deixa os professores em dificuldades para cumprir suas obrigações financeiras.

A postura da mantenedora é lamentável e desrespeitosa frente aos profissionais que ajudaram a construir o projeto pedagógico da instituição, tradicional na cidade de Piracicaba.

O Sinpro, que tomado todas as providências jurídicas cabíveis, se manifesta por meio desta nota e cobra, mais uma vez, posição da Rede Metodista.

Do Sinpro Campinas e Região

RESPONDER PARA:

POR FAVOR ENTRE COM SEU COMENTÁRIO!
POR FAVOR ENTRE COM SEU NOME