Sinpro Macaé e Região: Cine-debate marcou o Dia Internacional dos Direitos Humanos em Macaé

57
0
SHARE

Ação promovida pelo Sinpro Macaé e Região também contempla os 25 anos da entidade

Em comemoração aos 71 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos e aos 25 anos do Sindicato dos Professores de Macaé e Região (Sinpro Macaé e Região), aconteceu ontem (10) o cine-debate sobre o Filme Sob Traçantes. Para contribuir nas discussões o evento contou com a presença da roteirista Maria Raquel Hernandez. A ação marcou ainda a culminância da campanha pelos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

O filme Sob Traçantes é uma série documental que tem como objetivo mostrar a trajetória de pessoas marcadas por situações de extrema violência, que lutam para construir um futuro melhor através da cultura da paz. A produção, que tem 13 episódios, fala sobre as consequências do preconceito, da ausência de políticas públicas voltadas para os que vivem às margens, dos demais problemas políticos que assolam o país, entre outras abordagens. Um deles, tem a participação de Marinete da Silva, mãe de Marielle Franco. A produção é da TV Futura, um canal voltado para assuntos de formação cidadã e de educação.

De acordo com a presidente do Sinpro Macaé e Região, Guilhermina Rocha, o debate se faz muito necessário, principalmente, em tempos em que a retirada de direitos dos trabalhadores, impactam diretamente em suas garantias. “Lutarmos pelo respeito ao próximo, contra o genocídio da população negra, pela não violência e por uma educação de qualidade. Isso faz parte desta Declaração que é tão importante para garantir a nossa vida digna. O Sinpro, nestes 25 dias anos, também luta por pessoas e para que as pessoas tenham dignidade e acesso à educação”.

O Cine Debate também fez parte da campanha dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher. O evento teve o apoio da Secretaria de Cultura de Macaé, Federação dos Trabalhadores Estabelecimento Ensino do Estado do Rio de Janeiro (Feteerj) e Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino (Contee).

Campanha

O Sinpro Macaé e Região começou a campanha “Podemos escrever uma nova história: basta de violência contra as mulheres” pelos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres no dia 25 de novembro, quando é lembrado o Dia Internacional de Não Violência contra as Mulheres.

É preciso lembrar que a violência contra a mulher tem ganhado cada vez mais destaque e entrado na pauta das discussões, mas ainda há muito o que se fazer. Isso porque o Brasil é o 5º país que mais mata mulheres no mundo, segundo informações do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH).

Esta é uma mobilização da sociedade civil organizada que acontece todos os anos, a partir do dia 25 e se encerra no dia 10 de dezembro, quando se celebra o “Dia Internacional dos Direitos Humanos”.

Do Sinpro Macaé e Região

RESPONDER PARA:

POR FAVOR ENTRE COM SEU COMENTÁRIO!
POR FAVOR ENTRE COM SEU NOME