Sinpro Minas: Nota de pesar e solidariedade

106
0
COMPARTILHE

O Sinpro Minas recebeu na quarta-feira (2), com profundo pesar, a notícia do falecimento da professora Maria das Graças Cária, de 69 anos, vítima da Covid-19. Uma perda irreparável, que envolve mais um membro da nossa categoria cuja vida foi dedicada à construção de um mundo mais justo e humano, por meio da educação.

Esta triste notícia reforça para nós, da diretoria do sindicato, a preocupação com a saúde física e mental dos professores – fato este que já manifestamos publicamente por diversas vezes.

Sabemos das dificuldades enfrentadas pela categoria, afinal de contas, estamos há quase seis meses nesta situação, a pior crise de saúde pública da história recente do país.

No entanto, estamos cientes de que o quadro ainda é bem preocupante. Os indicadores usados para mensurar o comportamento da pandemia se encontram em um patamar elevado, mesmo em regiões onde o número de casos está estável ou em declínio.

No estado do Amazonas, por exemplo, o governo decidiu adiar por tempo indeterminado a retomada das atividades do ensino fundamental, após constatar que, em 15 dias de volta às aulas, 342 professores testaram positivo para o novo coronavírus.

Portanto, o cenário atual ainda exige bastante cautela por parte de todos nós, cotidianamente, e as decisões que envolvem a comunidade escolar requerem muito cuidado e precisam ser bem planejadas pelas autoridades públicas e respaldadas pela ciência.

Dessa forma, prestamos a nossa profunda solidariedade aos amigos e familiares da professora Maria das Graças Cária, bem como a toda a categoria, cuja capacidade de resistência tem sido exemplar neste momento tão delicado por qual todos estamos passando.

Do Sinpro Minas

COMPARTILHE

RESPONDER PARA:

POR FAVOR ENTRE COM SEU COMENTÁRIO!
POR FAVOR ENTRE COM SEU NOME