Única escolha possível é eleger Lula presidente!

Brasil está diante da maior encruzilhada da história: ou se reconstrói, derrotando Bolsonaro e elegendo Lula, ou mergulha de vez no abismo

Neste domingo (30), o Brasil vive as eleições mais importantes da história. E a Contee aproveita este momento para reafirmar o compromisso com a educação formadora, a cidadania, a dignidade e o trabalho decente, princípios que só serão possíveis com a derrota de Jair Bolsonaro (PL) e a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva.

Conforme manifesto lançado pela Confederação no último dia 17, tanto a educação quanto o trabalho foram alvos de severos ataques ao longo dos últimos quatro anos. “Sob Bolsonaro, rasgaram-se os princípios constitucionais que regem o ensino, assegurados pelo Art. 206 da Constituição Federal, sendo atacados, com fúria, a igualdade de condições para o acesso e permanência na escola; a liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber; o pluralismo de ideias e de concepções pedagógicas; a garantia de padrão de qualidade; e a garantia do direito à educação e à aprendizagem ao longo da vida”, aponta a Contee no documento.

“Sob Bolsonaro, os investimentos da União em educação decaíram de maneira permanente e avassaladora. A previsão orçamentária para o ano de 2021 era de R$ 145,7 bilhões, mas a execução dos créditos orçamentários não passou de R$ 118,4 bilhões. O investimento de 2021 foi, portanto, inferior ao de 2012, que totalizou R$ 121,2 bilhões”, denuncia ainda.

O manifesto também acrescenta que o MEC (Ministério da Educação) tornou-se “centro de irradiação do obscurantismo, do qual se emana o ensino domiciliar (homeschooling), a escola cívico-militar, o negacionismo científico e cultural, além de antro de desvio de verbas e de negociatas”.

A respeito dos valores sociais do trabalho, a Contee denuncia que se multiplicaram “os contratos autônomos e  pejotas, que retiram dos/as trabalhadores/as o direito a férias, 13º salário, FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), multa de 40% deste em caso de demissão sem justa causa, e seguro-desemprego”.

“Também multiplicaram-se os contratos intermitentes, por meio dos quais os/as trabalhadores/as só recebem por hora trabalhada, se e quando forem convocados.” Além disso, sob Bolsonaro, “a previdência social deixou de ser a maior e mais ampla política pública de inclusão social” do Brasil.

Por tudo isso, a Contee é taxativa: neste domingo, será preciso escolher entre o Brasil ou Bolsonaro; os dois são incompatíveis e inconciliáveis.

O Brasil está diante da maior encruzilhada da história: ou se reconstrói, derrotando Bolsonaro e elegendo Lula, ou mergulha de vez no abismo.

Pela reconstrução do Brasil, bem como pela valorização da educação e dos trabalhadores e trabalhadoras, a única escolha possível é eleger Lula presidente!

Leia o manifesto completo

Táscia Souza

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6  +  3  =  

Botão Voltar ao topo