SEM ANISTIA

Há muitos e variados elementos para condenar os golpistas, por isso se expressa em alto e bom som que a democracia é o bem maior dos brasileiros. Quem ameaçá-la deve ser punido com os rigores da lei

Sem revanche, mas com justiça e reparação, que precisam prevalecer no Brasil, para que nunca mais a democracia e o Estado de Direito sejam colocados em risco no País. A democracia não deve ser valor político e humano relativizados, à mercê de governantes toscos, obscuros e ignorantes.

Na terceira década do século 21, diferentemente do que ocorreu no fim da ditadura civil-militar (1964-1985), quando não houve nem Justiça de Transição nem tampouco reparação dos crimes da ditadura, agora não vai ser possível anistiar os crimes cometidos pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e os seguidores dele. Sob pena de a democracia permanecer ameaçada e conspurcada pelos seus detratores.

Justiça de Transição é um conjunto de medidas — judiciais ou não — adotadas para enfrentar passado de ditadura.

Terroristas bolsonaristas tentaram mais uma vez dar golpe de Estado, no último domingo (8), e fracassaram. Invadiram, pretendiam ocupar e depredaram as sedes das instituições da república democrática — os palácios do governo, do Legislativo e da Justiça federais.

Depredaram e pilharam os palácios, que representam as instituições da democracia republicana. Não punir os golpistas, com os rigores da lei, vai demonstrar, que basta vociferar contra a democracia para colocá-la à mercê de detratores dessa e da vontade da maioria soberana do povo.

Pesquisa Atlas divulgada, na última terça-feira (10), revela que 76% da população discordam dos ataques golpistas perpetrados contra a democracia. E 50,2% responsabilizam o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) pelos ataques que ocorreram em Brasília.

Diante de tantos e variados elementos para condenar os golpistas, a Contee, que representa mais de 1 milhão de trabalhadores da educação privada brasileira, expressa em alto e bom som, que não deve haver ANISTIA para os golpistas, terroristas bolsonaristas.

Brasília, 11 de janeiro de 2023.

Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino – Contee

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6  +  1  =  

Botão Voltar ao topo