Policial militar intimida professora durante ocupação de escola em Barueri

307
0
COMPARTILHE
Reprodução

Docente acompanhava ocupação estudantil em escola contra o fechamento do turno noturno e transferência dos alunos para outras unidades

Um vídeo que circula nas redes sociais desde a segunda-feira (16) mostra a abordagem de um policial a uma professora, que acompanhava a ocupação estudantil no colégio Lenio Vieira de Moraes Professor, em Barueri. Os alunos ocuparam a escola para protestar contra o possível encerramento do turno noturno, oferecido pelo governo do Estado de São Paulo.

Durante a atuação, o policial grita com a professora e pede seu documento. Ao que ela rebate: “Não fala assim comigo!”. A docente explica que está acompanhando os alunos menores de idade. O PM aumenta o tom de voz e diz que se a professora não pegar o documento será levada à delegacia por resistência. A abordagem rendeu críticas nas redes sociais.

Entenda o caso

Estudantes do colégio ocuparam o prédio para reivindicar contra o fechamento de turmas do noturno e a transferência para outras unidades da rede. Segundo a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, o prédio do colégio é dividido com a prefeitura, que oferta os turnos matutino e vespertino. Ao Estado, cabe o período no noite. A pasta afirmou que há um estudo indicando o encerramento do noturno mas, que após ida da dirigente regional de Itapevi ao local para conversar com os estudantes, nada será modificado no próximo ano letivo.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública afirma que “a Polícia Militar analisa as imagens para identificar o policial envolvido e as circunstâncias relativas aos fatos”.

Da Carta Capital

COMPARTILHE

RESPONDER PARA:

POR FAVOR ENTRE COM SEU COMENTÁRIO!
POR FAVOR ENTRE COM SEU NOME