Sinpro Itajaí realiza assembleia no Cônsul Carlos Renaux, em Brusque

Uma das propostas da atual diretoria do Sinpro é realizar assembleias por local de trabalho para tratar das especificidades de cada unidade de ensino, tirar dúvidas jurídicas, ampliar as filiações e aproximar os educadores das políticas desenvolvidas pelo sindicato.

De acordo com os dirigentes do Sinpro, há um cronograma de assembleias por local de trabalho, que deverá ser cumprido até o final do ano.

No dia 11 de junho, foi realizado um encontro com professores do Colégio Cônsul Carlos Renaux, em Brusque. Segundo os educadores, algumas situações trabalhistas estão deixando dúvidas, principalmente no que diz respeito a forma como a direção da escola está aplicando a cláusula da compensação de horas.

Os assessores jurídicos explicaram com detalhes como deve ser aplicada a cláusula da compensação de horas e uma nova assembleia com os professores deverá ser agendada.

Reunião com a direção

No dia 17, a profª Adércia Bezerra Hostin, presidente do Sinpro, juntamente com a assessoria jurídica, estiveram reunidos com a direção do Cônsul e com o presidente da Fundação Educacional Evangélica a fim encaminhar as dúvidas e reclamações dos educadores.

Do Sinpro Itajaí

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  +  57  =  60

Botão Voltar ao topo