UNE cobra adiamento do Enem

A União Nacional dos Estudantes (UNE) iniciou nesta segunda-feira, 4, um movimento nas redes sociais em que pede novo adiamento do Enem. Mesmo em meio ao avanço da segunda onda da covid-19 no Brasil, a aplicação da prova está marcada para os dias 17 e 24 de janeiro. “Pela vida das pessoas e para que não haja ainda mais desigualdade entre os candidatos que acreditamos ser inevitável um novo #AdiaEnem”, escreveu a representação estudantil no Twitter.

No final do mês passado, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) rejeitou pedido de adiamento do Enem de 2020 feito pela Secretaria de Estado de Educação da Bahia.

Além da preocupação sanitária, os estudantes também argumentam que a realização da prova colocaria e pé de desigualdade os alunos da rede pública e privadas, já que os primeiros praticamente não tiveram aulas em 2020 por causa da pandemia.

Na próxima terça, o Inep divulgará os locais de prova do exame. Ao todo, 5.783.357 inscrições foram confirmadas.

BR Político

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

53  +    =  57

Botão Voltar ao topo