A vacina salva e é direito de todos/as os brasileiros!

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino – Contee, em defesa da vida, defende a vacinação do povo brasileiro contra a pandemia do covid-19. Está cientificamente comprovado, em todo o mundo, o impacto positivo da vacinação para a redução de mortalidade e o aumento da qualidade e da expectativa de vida, e o mesmo deve acontecer quando for adotada uma vacina contra o novo coronavírus.

Por demandar urgência na sua aplicação, é necessário que o Governo Federal defina quais públicos serão priorizados na vacinação. Integrantes de grupos de risco e profissionais de saúde e da educação devem estar no topo das prioridades. Os setores relacionados à educação – trabalhadores, estudantes e familiares – envolvem mais de 50 milhões de brasileiros. A pandemia já causou quase 200 mil mortes no país neste ano e tem havido uma flexibilização do isolamento social, o que amplia a contaminação.

A saída deve ser a vacinação, que vem sendo adotada nos países do Reino Unido, na Rússia, Alemanha, Portugal, Estados Unidos, Argentina, México, dentre tantos outros. Mas o Brasil está sem rumo, com o Governo Bolsonaro negando a ciência e pressionando, juntamente com os empresários do ensino, pela volta das aulas presenciais.

Além da produção, há a necessidade de uma logística de distribuição e armazenamento da vacina. Até o momento, o Ministério da Saúde não tem nem plano e nem um cronograma claro de enfrentamento à pandemia. É dever das autoridades públicas conscientizar a população acerca da importância da vacinação e da continuidade do distanciamento social.

Em defesa da vida, vacinação para todos!

Brasília, 14 de dezembro de 2020

Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino – Contee

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo