Congresso Internacional Pedagogia 2021 será pela internet

O Ministério da Educação de Cuba está convidando educadores de todo o mundo para o 17º Congresso Internacional Pedagogia 2021. Terá por tema central “Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, a Agenda 2030 e, especialmente, o que foi feito no contexto educativo para o enfrentamento da pandemia do COVID-19”. Esta edição do Congresso será virtual, devido à pandemia.

“A Contee tem entre os seus princípios fundantes a defesa da soberania, a autodeterminação dos povos, a integração dos trabalhadores de educação latino-americanos e caribenhos e a defesa da qualidade da educação referenciada socialmente. Nesta perspectiva tem participado dos congressos internacionais de Pedagogia e da Universidade que Cuba sedia anualmente”, conta Maria Clotilde Lemos Petta, coordenadora da Secretaria de Relações Internacionais.

Neste ano, 2020, excepcionalmente, a Contee não enviou representantes. A realização do Pedagogia 2021 via online, de 4 a 8 de fevereiro de 2021, possibilita a presença de um maior número de representantes das entidades filiadas. “A participação de delegados da Contee nesses Congressos tem sido de grande valia, possibilitando uma troca de experiências tanto no sentido pedagógico, como no político. Cuba, que desde o triunfo da Revolução em 1959 atribui à educação um papel central no seu projeto de desenvolvimento sustentável, foi um dos países signatários da Agenda 2030, e tem assumido o compromisso na sua implementação, sendo considerada pelos órgãos de acompanhamento da Organização das Nações Unidas (ONU) o único país que atingiu completamente as metas definidas”, explica Clotilde.

A diretora da Contee destaca que a nova edição do Congresso Internacional de Pedagogia 2021, “como é tradição, conclama à unidade dos educadores como um elemento substancial para continuar promovendo a integração entre nossos países, intercambiar experiências, unir forças e esforços com o objetivo de fazer realidade as metas acordadas nas conferências regionais, como exemplo de cooperação solidária na nossa luta por um mundo melhor. O programa inclui palestras, cursos e simpósios sobre temáticas específicas, entre elas a educação em valores cidadãos, a cooperação internacional e a cultura de paz. Também serão debatidos o pensamento educativo latino-americano e mundial, a influência dos sindicatos de docentes na sustentabilidade dos sistemas de ensino público, a necessidade de atenção integral à infância, adolescência e juventude, a educação inclusiva e equitativa e o papel das universidades, entre outros”.

A Contee realizará uma ampla divulgação e convocação de suas entidades filiadas. Como destaca a secretária-geral do Sindicato Nacional dos Trabalhadores em Educação, Ciência e Esporte de Cuba, Neura Maria González Ober, “os objetivos do desenvolvimento sustentável colocam um novo cenário que requer uma nova forma de atuar e a redefinição do papel dos atores que delas participam, entre eles as universidades e os sindicatos dos trabalhadores em educação”.

Clotilde enfatiza, também, que “o contato com educadores e sindicalistas de muitos países reforça nossa convicção de que, em que pese a conjuntura extremamente adversa pela qual passamos, um mundo melhor é possível. É fundamental que as organizações sindicais de trabalhadores em educação contribuam para o avanço da consciência de que, como educadores, somos os responsáveis por educar as gerações presentes e futuras, conquistando mentes e corações para a luta pelo desenvolvimento sustentável e inclusivo, na busca por uma sociedade mais justa e igualitária”.

Temário e inscrições

Os temas gerais que serão abordados envolvem: 1. Educação em valores, cidadania, cooperação internacional e a cultura da paz na atividade educacional cubana, latino-americana e mundial; 2. Pensamento educacional latino-americano e mundial. Influência de sindicatos e entidades de professores na sustentabilidade de sistemas educacionais; 3. Melhoria e desenvolvimento de sistemas educacionais, dada a necessidade de atendimento integral à infância, adolescência e juventude, sua educação inclusiva e equitativa, aprendizagem de qualidade e ao longo da vida. Papel das universidades; 4. Desafios e perspectivas na formação do docente. Papel das universidades; 5. Políticas públicas a favor da educação, esporte e cultura para o desenvolvimento sustentável em ciência, tecnologia, inovação, tecnologias de informação e comunicações. Papel das universidades; 6. Educação e gestão ambiental para desenvolvimento sustentável, prevenção e mitigação dos múltiplos riscos de desastres naturais, tecnológicos e sanitários; 7. Contribuições das ciências da educação para a organização e administração de instituições educacional e para o desenvolvimento da prática educacional; 8. Alfabetização e educação de jovens e adultos; 9. Avaliação de qualidade para uma educação inclusiva e equitativa no âmbito da Agenda Educacional 2030; 10. Capacitação profissional e técnica de mão de obra qualificada. Sua contribuição para o desenvolvimento socioeconômico dos países; 11. Prevenção, a partir dos sistemas educacionais, visando garantir a proteção das meninas, crianças e adolescentes contra as diferentes formas de violência, dependência de drogas, tráfico humano e outros comportamentos associados.

As inscrições poderão ser feitas até 25 de janeiro de 2021, no valor de US$ 50 (cinquenta dólares), pelo site www.pedagogiacuba.com.

Carlos Pompe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo