Começa o aquecimento para o 1° de Maio dos trabalhadores e trabalhadoras

Na manhã desta terça-feira (19), dezenas de trabalhadores e trabalhadoras ocuparam a Praça Ramos, na capital paulista, para a primeira panfletagem rumo ao 1° de Maio. O evento, que este ano acontece na Praça Charles Miller, a partir das 10h, é fruto do esforço de todas as centrais sindicais que se uniram para defender emprego, direitos, democracia e vida.

Um 1° de Maio unificado é a resposta dos trabalhadores frente ao desmonte acelerado do Brasil que o governo Bolsonaro vem promovendo. Não à toa, a palavra de ordem “Fora Bolsonaro” ecoa de Norte a Sul do Brasil.

Em frente ao Theatro Municipal de São Paulo, os sindicalistas conversaram com os trabalhadores e divulgaram a atividade do 1° de Maio

Como sempre, o evento será uma festa com shows gratuitos. Os artistas já confirmados para este ano são Leci Brandão, Daniela Mercury, KL Jay, Dexter e Francisco, el Hombre.

Diante da desvalorização do salário mínimo, disparo da inflação e do desemprego, a classe trabalhadora exige mais emprego e renda; combate à inflação e redução do preço do gás; política de valorização do salário mínimo; erradicação da fome; mais direitos; valorização do setor público; menos juros; fortalecimento da democracia; mais investimento em educação, saúde e transporte; e aposentadoria digna.

CTB

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6  +  2  =  

Botão Voltar ao topo