Sinproeste: Professores aprovam a prestação de contas do sindicato

No último sábado, 22, ocorreu assembleia de prestação de contas e previsão orçamentária do Sinproeste, no formato retomo. Foi apresentado o movimento financeiro de 2020, com as entradas e saídas e, em seguida, esclarecidas de dúvidas. Colocado em votação, os professores presentes aprovaram as contas do sindicato em unanimidade.

Um ponto que gerou debate foi a diferença na arrecadação em comparação com 2019. O assessor jurídico, Erivelton Konfiera, explicou que isso se deve à Reforma Trabalhista de 2017, que até hoje segue refletindo sobre a contribuição da categoria com o seu sindicato profissional.

O diretor do Sinproeste, professor Milton Amador, também lembrou que em 2020 iniciou a pandemia, que resultou num grande número de reduções e suspensão dos contratos de trabalho. Todos os professores sócios atingidos pelas medidas e demonstraram dificuldade foram dispensados da mensalidade sindical. Além disso, também houve um grande número de demissões no final de 2019, especialmente na Unochapecó, o que impactou nas contribuição de mensalidades e taxa assistencial em 2020.

Previsão orçamentária

Os membros do Conselho Fiscal, os professores Frederico Damasceno, Ilo Dias e Maria Aparecida Caovilla, expuseram que irão apresentar o parecer nos próximos dias. Por se tratar de uma nova gestão, que assumiu o sindicato em dezembro do ano passado, o Conselho segue estudando as planilhas financeiras.

Expuseram que a arrecadação tende a diminuir ainda mais esse ano, e será preciso pensar em alternativas para seguir com o trabalho do sindicato, mantendo o atendimentos aos professores e atividades necessárias para as negociações coletivas de reposição e reajuste salarial, função primordial da entidade sindical.

Do Sinproeste

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4  +  3  =  

Botão Voltar ao topo