Sinpro-BA: Deliberações da Assembleia dos Docentes da Ucsal

Professoras e Professores da Universidade Católica do Salvador, reunidos em assembleia, no dia 11 de setembro de 2021, debateram sobre a situação da UCSal. Estava em pauta a greve, previamente marcada para iniciar-se no dia 13 do mesmo mês.

Logo após a apresentação, pelo Sinpro-BA, do histórico de descumprimentos de legislação, Convenção Coletiva de Trabalho e mesmo de garantias concedidas internamente pela própria Universidade por parte da UCSal, os professores se puseram a discutir a situação e apresentar suas posições e propostas. Estão, ainda, em aberto, registre-se, parte dos salários relativos ao mês de julho/2021 e férias de boa parte do corpo docente.

Garantidas as falas de todos os participantes que se inscreveram, registradas as propostas pela mesa da assembleia e procedida a votação, estabeleceram-se novas deliberações pelo conjunto dos participantes, com a revogação da decisão sobre deflagração de greve.

O SINPRO-BA comunicará, oficialmente, à Universidade Católica do Salvador na segunda-feira, 13 de setembro, data em que abre-se prazo para a apresentação de contraproposta ao quanto enviado à UCSal após a assembleia de 28 de agosto, conforme deliberação da Assembleia do dia 11 de setembro.

Somente após as respostas da Universidade Católica do Salvador, bem como a reabertura das negociações – o que não mais ocorreu após a assembleia de 28 de agosto passado – o Sindicato apresentará data de nova assembleia docente.

DIRETORIA COLEGIADA

Do Sinpro-BA

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9  +  1  =  

Botão Voltar ao topo